Resenha | Sacrifice (Série Elemental Livro 5)

Olá!

Finalmente, a resenha do último livro da série Elemental (Elementar).

sacrifice brigid kemmerer resenha sacrifício


SACRIFICE (SACRIFÍCIO) – Brigid Kemmerer

SACRIFICE-KEMMERER-662x1024Compre usando o link afiliado e apoie o blog!


Título original: SACRIFICE, 2014.
Versão lida: Em INGLÊS, versão e-book Kindle. (Até onde pude pesquisar, não há versão traduzida para o português à venda.)

Esse livro é o volume número 5 da saga Elemental (traduz-se como Elementar).

A autora

Brigid-Kemmerer-Head-Shot-2017-web-1024x683Há poucas informações sobre Brigid Kemmerer online. Sabe-se que ela é de Nebraska nos EUA, e mora em Maryland com o marido e quatro filhos.

Seu romance AOS PERDIDOS, COM AMOR é o primeiro lançado em português no Brasil, e é o livro que antecede MORE THAN WE CAN TELL. Ela escreveu também THICKER THAN WATER, 2015, um romance paranormal New Adult, e a série ELEMENTAL, 2012, que conta com cinco livros e três contos. A série também fala de elementos paranormais e romance.

O livro

Michael Merrick está acostumado com a pressão. Ele é o único pai que seus três irmãos tiveram em anos. Seu poder de controlar a terra poderia matar alguém caso ele erre nos cálculos. Agora um Guia Elementar está atrás de sua família, e ele é o único que pode impedi-lo.

Sua namorada Hannah entende isso. Ela tem um filho só seu, e um emprego como bombeira que pode acabar com sua vida em segundos.

Mas há pessoas que já estão cheias do jeito desafiador de Michael e da “má sorte” de sua família. Antes que ele mesmo note, os inimigos de Michael se tornaram inimigos dos Merrick, e já se preparam para a guerra.

Eles não estão interessados em desistências, e de qualquer forma Michael não é do tipo que acena a bandeira branca. Haverá sangue no chão essa noite…

Os irmãos Merrick podem controlar os elementos. E Michael Merrick, um Elementar da terra, vai precisar salvar seus irmãos da morte certa.

Antes de ler essa resenha, te aconselho a ler as resenhas dos primeiros livros da série, STORM, SPARK, SPIRIT e SECRET. Neles o mundo dos irmãos Merrick e dos Elementares é apresentado em detalhes, introduzindo melhor o que está por vir.

Porém, não posso deixar de comentar em termos gerais do que se trata a série, para refrescar a memória.

Os irmãos Merrick, Michael – o mais velho – Nick e Gabriel – os gêmeos – e Chris – o mais novo, fazem parte de um mundo no qual algumas pessoas nascem com dons muito especiais, onde possuem grande afinidade com um dos elementos da natureza, – água, fogo, ar, terra e espírito – dons esses que podem desenvolver para eventualmente serem capazes de controlar completamente o elemento, e retirar dele forças para fazer coisas extraordinárias.

Há também nesse mundo os Guias, que são os Elementares do Espírito, treinados desde a infância para eliminar Elementares muito poderosos que causem problemas, desastres, mortes, etc.

Pois bem, no primeiro livro da série, STORM, conhecemos a trama, e vemos o mundo através dos olhos de Chris, o mais novo dos Merrick, um Elementar da Água. No segundo livro da série, SPARK, passamos a conhecer o mundo através dos olhos de Gabriel, um dos gêmeos, e Elementar do Fogo.

No terceiro livro, SPIRIT, acompanhamos o desenrolar da trama juntamente com HUNTER, um Elementar do quinto elemento, o Espírito, que juntamente com os irmãos Merrick forma o círculo de poder perfeito.

No quarto livro SECRET acompanhamos o segundo dos gêmeos idênticos, Nick, o Elementar do Ar. E finalmente chegamos ao último livro da série, SACRIFICE, onde acompanhamos o final dessa história através dos olhos de Michael, o mais velho e mais forte dos Merrick, Elementar da terra.

Michael Merrick está sob muita pressão e pode perder tudo, logo agora que a guerra está para começar.

Ao longo dos quatro livros que antecedem SACRIFICE, acompanhamos os acontecimentos que levaram à situação dos irmãos Merrick e cia agora. Todos os incidentes e inexplicáveis fenômenos que cercam a família finalmente começaram a chamar a atenção das autoridades, e está ficando impossível conciliar as duas coisas.

Michael precisa não só defender a si mesmo e aos irmãos das acusações da polícia contra eles, como também precisa encontrar uma forma de protegê-los dos Guias que estão a caminho para definitivamente assassina-los.

resenha sacrifice kemmerer

Os Guias sabem que para destruir de vez a vida da família, precisam causar danos que não podem ser ignorados pelas pessoas comuns, incluindo as autoridades, e é exatamente isso que decidem fazer.

Em poucas páginas o mundo de Michael vira de cabeça para baixo. O pobre rapaz de 23 anos que abdicou de tudo para terminar de educar os três irmãos, se vê em situações que seriam impossíveis até para uma pessoa com o triplo de sua experiência de vida.

As acusações contra ele e seus irmãos vão ganhando mais e mais fundamento quando eles não conseguem explicar tudo o que acontece à comunidade quando um deles está por perto. Um ataque ao bairro onde a casa de seus pais lhes servia de lar desde a infância transforma tudo em restos e cinzas, tornando todos eles moradores de rua. E para completar, Michael não só continua a ser ameaçado pelos Guias, determinados a destruí-los por completo; mas ele também é obrigado a admitir que não tem mais condições de cuidar dos irmãos, que acabam sofrendo intervenção do Estado.

O pobre Michael, sempre a muralha por trás de tudo e todos, se vê em desespero.

Não há espaço para erros ou negociações. Ele precisa tomar decisões rápidas que afetam muitas vidas e, como sempre, toda a responsabilidade está em suas mãos.

A polícia parece determinada a colocar a culpa pelos ataques nos Merrick, deixando Michael em posição de se defender contra acusações criminais que ele não pode explicar. Os Guias, verdadeiros culpados pelos ataques, são muito bem treinados e sabem exatamente com atingir Michael da pior maneira.

E isso inclui Hannah.

Hannah, a namorada de Michael, é uma jovem mãe solteira, bombeira, filha do chefe dos bombeiros, que precisa da ajuda dos pais para cuidar do pequeno James, mas que é forte o suficiente para não desapontar ninguém no trabalho.

Hannah precisa de muita compreensão para continuar firme ao lado de Michael, mesmo quando as autoridades, incluindo seu pai, estão decididos a acusa-lo das piores coisas, e mesmo quando o próprio Michael parece determinado a afastá-la de si e dos irmãos o máximo possível.

Ela não entende como ele pode ser tão relutante em deixá-la ajudar, já que parecem ter uma conexão profunda e amorosa. Porém Hannah não conhece os verdadeiros perigos que os Elementares vivem todos os dias, e Michael está decidido a não deixar que ela se envolva e seja colocada em risco.

Com o passar de alguns poucos dias, a trama se desenvolve para mais perto da conclusão quando novos ataques são cometidos contra Michael, e impossibilitado de pedir ajuda, ele se vê numa situação de vida ou morte. E para completar tudo, a falta da presença de seus três irmãos, os quais ele vem criando sozinho nos últimos cinco anos, está lhe retirando todo o sono e todas as forças.

sacrifice chapter one michael merrick resenha português

A conclusão dos fatos, infelizmente não posso revelar sem dar enormes spoilers aqui, mas podemos dizer que os vilões e mocinhos se encontram no final, como acontece em todas as aventuras, e dessa a vez a realização dos atos finais se dá de forma justa, emocionante, organizada e bem completa.

Há muita ação nesse livro, mais até do que em SPARK, o meu favorito da série que até agora ganhava no quesito emoção. As cenas dignas de um filme de ação Hollywoodiano são bem descritas, e te transportam para dentro da história com destreza. São momentos de tirar o fôlego que não perdem em nada para a mídia visual.

É bem interessante como a maturidade de Michael e Hannah em comparação com os casais adolescentes que lideraram cada um dos livros anteriores se destaca. Tanto os conflitos quanto os atos e reações são bem mais profundos e mais bem pensados, e as reflexões seguem a mesma linha. Trata-se de um livro levemente mais maduro do que os quatro anteriores, o que para mim foi uma surpresa, dado o público jovem ao qual a série é direcionada.

Alguns dos conflitos pelos quais precisamos passar junto com Michael Merrick são de fato, problemas de gente grande.

Crises profundas que exigiriam muita maturidade na vida real. E como sempre observamos a história através de olhos mais jovens – 16 ou 17 anos – , haviam aspectos da trama que passavam desapercebidos, assim como muitos aspectos da vida adulta passam desapercebidos para adolescentes de verdade. Problemas financeiros, dúvidas legais, navegar o dia-a-dia… Tudo isso acaba ganhando espaço na narrativa quando observada pelos olhos do jovem adulto que foi obrigado pela própria vida a crescer e se tornar responsável antes que ele próprio tivesse a oportunidade de fazer por si mesmo.

Michael também apresenta um mínimo nível de vulnerabilidade que não pude perceber em nenhum outro momento até agora, mesmo durante muitas  cenas decisivas e importantes do personagem em todos os livros anteriores. Mesmo que sem nunca prenunciar as palavras para outra pessoa, os pensamentos de Michael que só existem para ele mesmo e para nós, os leitores, revelam as dores, frustrações e realidade de um jovem muitas vezes inexistente fora de sua rotina, somente sobrevivendo de modo automático e nunca tendo o luxo de parar para viver a própria vida. E quando o próprio Michael entende isso, é de partir o coração.

Mas como clássico herói, Michael não decepciona. Ele continua forte, determinado, sabe  o que precisa ser feito, hesita em pedir ajuda, e se entrega aos perigos da vida sem olhar par trás, sempre impulsionado pela necessidade de fazer o que é certo, e defender aqueles que são a sua responsabilidade. 

Foi preciso ler cinco livros para compreender que Michael é o grande herói dessa história, e os motivos pelos quais posso fazer essa afirmação tão dura estão espalhados ao longo das páginas dos cinco volumes. Então se quer meu conselho, comece a ler essa série hoje mesmo.


Vai ter vídeo!

Para finalizar a saga, pretendo ler os três contos escritos pela autora da série Elementar, que segundo ela complementam a trama, explicam pequenas passagens do passado e ajudam a conectar todos os pontos soltos que por ventura tenham ficado para os leitores mais atentos.

Depois de ler os três contos – livros mais curtinhos – pretendo falar um pouco sobre esse material de apoio por aqui, e depois fazer um vídeo lá no CANAL NO YOTUBE onde farei um resumão da trama, incluindo todos os livros e contos, e dando a minha opinião final sobre a saga.

Não deixe de se inscrever para não perder o vídeo!


Mais uma vez, obrigada pela visita. Volte sempre!

modeloassinatura


Alba reuniu os amigos para viver com ela uma lista de aventuras, e você está convidado!

Sinopse e links aqui!

elencodossonhosminhalista

Anúncios

Um comentário sobre “Resenha | Sacrifice (Série Elemental Livro 5)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s